Seja bem-vindo
Novo Hamburgo,14/07/2024

  • A +
  • A -

Ari Schneider

Sinais de Deus Juízes, capítulo 6, versículo 37 Pois bem, vou pôr um pouco de lã no lugar onde malhamos o trigo

 Se, de manhã, o orvalho tiver molhado somente a lã e o chão em volta dela estiverseco, então poderei ficar certo de que tu realmenteme usarás para libertar Israel.Há muitos que tomam este episódio do AntigoTestamento como se fosse uma norma para tomardecisões em determinadas situações. O caso deGideão não foi mencionado na Bíblia com a finalidade de se tornar numa fórmula espiritual.Quem sabe você também já tenha usado suaporção de lã diante de uma situação em que queriater a segurança de que aquela era a vontade deDeus.

Pode ter pensado que uma maneira segurae rápida de tomar uma decisão seria pedir um sinalde Deus.Alguns são muito criativos:"Senhor, se quando eu estiver indo para a cidadecruzar com uma caminhonete amarela, isso será sinalde que devo aceitar esse emprego e não o outro.""Se eu encontrar um lugar para estacionar, ésinal que tu queres que eu curse biologia e nãofisioterapia.""Se a estrela piscar uma vez, devo dizer sim; sepiscar duas, digo não; e se piscar três, é ainda não.""Senhor, que ele mande um WhatsApp; que elaenvie um e-mail.""Diante da decisão de terminar o namoro, digo:Vou escrever sim e não em dois pedacinhos de papel;o que sair é o que vou fazer."Quando o papel está de acordo com o quepensamos, nos apressamos em executar o plano:"Que bom, era isso mesmo!" Mas quando o papeldesafia a nossa preferência, levando-nos a decisãoque temíamos, colocamos em dúvida o que fizemos: "Será que eu realmente orei com fé? Acho quedeveria orar de novo e completar: 'Senhor, agora épara valer.'"

Outro motivo pelo qual somos inclinados a pedirum sinal de Deus é a necessidade de fugir às consequências de nossa decisão. Ao pedir um sinal,se as coisas não derem certo e as consequênciasforem as que tememos, poderemos jogar a culpano processo, não em nós mesmos.Deus nos deu um cérebro dotado de capacidadede pensar, avaliar e pesar as decisões. Às vezes, compreguiça de pensar, seguimos um atalho: queremoscolocar Deus dentro de nossos limites e manipularos eventos a nosso favor, conforme a nossa vontade.Hoje, também, mudar de emprego, mudar decurso, escolher o companheiro ou a companheira para toda a vida são decisões que requeremdiscernimento, sabedoria e boa dose de entrega.Peçamos a Deus que nos faça humildes paraaceitar seus planos para nossa vida.Vamos orar:Pai, entregamos a ti todas as nossas preocupações. Precisamos de sabedoria e discernimentopara tomarmos as melhores decisões. Toma contade nossa mente e coração, por favor, em nome deJesus. Amém.



COMENTÁRIOS

LEIA TAMBÉM

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.